Frases de Jorge Forbes no Globo-News Painel: A homofobia no exército e na sociedade civil

21/02/2010 02h52

 - É impossível afirmar que o homossexual se comporta de uma maneira e o heterossexual se comporta de outra maneira; isso é caricatura. É ruim, cria-se um quisto na sociedade.

- Essa declaração do general mostra um pensamento arcaico extremamente preocupante. Uma posição do Tribunal Superior Militar sobre a respeito desse tema reflete sobre a sociedade brasileira inteira, vai além da questão especificamente militar, influencia a sociedade civil.

- É muito cômodo dizer: - esse sim, esse não. Qualquer forma de discriminação é uma forma covarde de enfrentar o laço social.

- Eu gostaria que esse general estivesse aqui para poder entender melhor o que ele pensa sobre isso, entender melhor essa visão de mando. Não consigo entender essa crítica, a não ser como um preconceito arraigado e muito fraco. Acho que esse pensamento enfraquece o exército.

- Do ponto de vista lacaniano, o homossexual é aquele que não consegue conviver com a diferença. No momento que você tem a ordem unida - todos iguais e isso lhe agrada - então você nega a diferença. Será que um exército só pode ser constituído dessa forma? São questões fundamentais.

- Nós damos banho para o mundo em termos de diversidade. O mundo inteiro olha o Brasil tentando aprender; a globalização exige uma conduta diversa.

- Eu discordo da transparência americana, porque é falsa.

- Um juiz não é imparcial. Ninguém é imparcial, pois não é possível cifrar, traduzir a essência humana em uma letra. Um juiz carregará sempre um fator ideológico fundamental em suas decisões.

- Acredito que o Brasil tem uma flexibilidade do laço social maior que os outros países ocidentais.

- Não existe sociedade se não houver preconceito. O preconceito caminha. E aí está a beleza da sociedade: O laço social humano é "irresolvível", é uma estrutura de conflito.

- A cada momento temos que ficar alertas para saber onde o conflito e a paralisia desse laço, que tem que ser flexível, vão se congelar. Achar que existe um melhor ou um pior é achar que existe um progresso no laço social humano e que um dia teremos uma sociedade absolutamente perfeita, ideal.

- Preconceito é como uma bola de volei - um dia cai aqui, outro dia cai lá. E agora caiu nessa questão, que hoje estamos vendo.

- A única coisa que pode mobilizar o preconceito de uma pessoa é a análise.

(Seleção de Teresa Genesini)