Aliança com o divino vira questão pessoal: entrevista ao Valor Econômico

07/05/2004 05h07

Jorge Forbes fala ao Valor Econômico sobre a história do luxo e sua atualidade, quando surge a tendência de uma nova relação entre marcas e consumidores: uma aliança, em que "as marcas vão ter que levar em conta o que o cliente quer de um produto".

O luxo já não sustenta uma imagem de classe, mas sim a imagem pessoal, como exceção, singularidade. A customização dos produtos, então, ganha o mercado, e assim afasta a ordem institucional do luxo - ele torna-se independente das obrigações sociais, dos padrões de fabricação, e permite uma nova forma de identidade.

Na quinta-feira, 29 de abril de 2004, F4.